Riscos da cibersegurança “puxa” pela inovação na EDP

Paulo Moniz participava num evento organizado pela EDP sobre big data e as aplicações à área da fraude e cibersegurança. Neste evento, foi revelado a percentagem de transacções fraudulentas normalmente verificada é de 0,5%, mas salientou-se que o impacto para quem as sofre é muito grande.

inovacao energia_lampada_inovacaoA direcção de sistemas de informação da EDP está a desenvolver com a equipa da EDP Inovação um projecto piloto de aprendizagem de máquina focado na área da cibersegurança, revelou o director de segurança e risco do operador, Paulo Moniz.

Num debate realizado esta terça-feira, o responsável enquadrou o projecto numa estratégia mais geral, do grupo, de “tornar a tecnologia mais inteligente com talento” humano.

Ao Computerworld, Paulo Moniz explicou como o projecto é um novo “patamar” para uma estrutura tecnológica que parte do sistema de SIEM (Security Information and Event Management) da empresa. Aquela nasce no trabalho de desenvolvimento já com três anos e recorre à matriz Hadoop para serviços de analítica.

Pode ler o artigo em completo no Computerworld.

 

Artigos relacionados

O seu comentário...

*

Top