Qual será a próxima transformação do CIO?

Assumir o seu papel estratégico para liderar a transformação digital, é o caminho lógico e o único a seguir.

Em discussões informais, os CIO, muitas vezes, opinam que “IT está em todos os tipos de negócios”. Esta ideia de “em todos os negócios” reflecte uma macro tendência, que domina,  de que todas as coisas estão sendo digitalizadas. Nunca os CIO tiveram uma oportunidade tão grande de impactar o negócio e desempenhar uma função estratégica. Mas uma questão permanece: quem conduzirá a empresa neste caminho desafiante e perturbador da economia digital?

O director digital? Acredito que não. Essa é uma posição transitória, com uma missão relativamente de curto prazo, que visa catalisar a adopção da tecnologia digital para interromper a abordagem tradicional de uma organização.

Também não será o director de inovação. A inovação é apenas uma avenida que leva ao destino de transformação de negócios. Os CIO devem se ocupar de gerir o roteiro, não a avenida.

O papel mais lógico para os CIO no futuro é ser o líder da transformação digital que a empresa precisa fazer. Uma autoridade de nível executivo que vai dirigir, governar e ser  considerado responsável pela estratégia da empresa para transformar o seu modelo de negócio, os produtos e serviços, o envolvimento do cliente, as estruturas de organização interna, plataformas e processos.

  • Quem melhor para ver oportunidades de transformação que abrangem as múltiplas funções e unidades de negócio?
  • Quem tem mais experiência a influenciar entusiasticamente líderes relutantes a comprar e participar da mudança?
  • Quem melhor para tirar a organização do caos inerente à mudança, que afecta dezenas, centenas ou milhares de funcionários?
  • Quem mais poderia conceber e aplicar um acelerado, ágil, mas racional e pragmático processo de transformação?
  • Quem poderia antecipar e planear de forma mais eficaz os riscos operacionais inerentes à transformação?
  • Quem tem mais experiência reconhecendo e introduzindo as tecnologias, antigas e novas, que vão permitir a transformação e sustentar seus objectivos finais?
  • Quem mais poderia lidar com consultores e fornecedores externos?
  • E, finalmente, quem mais poderia aplicar anos de lições aprendidas em transformar continuamente uma função complexa, de alto risco que é crucial para todas as partes da empresa?

Poucas empresas podem argumentar que não estão  neste momento em algum tipo de transformação para permanecer relevante, viável e próspera. Mais de 80 por cento dos membros do CIO Executive Council citam a transformação como uma das suas três maiores prioridades. Se essa transformação se estende por mais de um par de funções de negócios ou unidades, a mesma beneficiará da supervisão executiva.

O melhor executivo para liderar a transformação é um CIO estratégico.

Essa é a minha resposta à pergunta “Qual deve ser a próxima transformação lógica dos CIOs?” Agora pergunte a si mesmo: “Isto é o que acontecerá comigo?”

 Richard Pastore (CIO USA)

 

Autores

Artigos relacionados

O seu comentário...

*

Top