As 13 vagas de emprego TI mais difíceis de preencher

De acordo com os 812 líderes de TI que responderam à sondagem “2021 State of the CIO”.

Por Johanna Ambrosio

A lista de vagas em empregos de TI mais difíceis para preencher não mudou muito desde o ano passado, mas um novo fator pode aliviar a situação nos próximos meses. Graças ao fenómeno do teletrabalho, mais pessoas estão agora disponíveis para empregos que antes eram restritos a candidatos de uma área geográfica específica.

“A guerra de talentos mudou drasticamente”, diz Alex Kraus, Vice-Presidente da consultoria Metis Strategy. “A pool de talentos é muito maior e, às vezes, global, onde antes era restrito ao local onde fica a sede da empresa”.

De acordo com os 812 líderes de TI que responderam à sondagem “2021 State of the CIO”, as funções de TI mais desafiadoras são aquelas que envolvem cibersegurança (21%), IA/machine learning (20%), ciência de dados/analytics (19%) e DevOps/DevSecOps/agile (12%).

A pandemia teve um impacto significativo na definição dos gastos com TI este ano. De acordo com a sondagem State of the CIO, os três principais impulsionadores de negócios para orçamentos de TI este ano são: transformar os processos de negócios existentes (36%), aumentar as proteções de cibersegurança (34%) e melhorar a experiência do cliente (33%).

A contratação de segurança é absolutamente um ponto sensível em toda a linha de analistas de alto nível a profissionais de campo, diz Kraus. Um problema é que “muitas vezes não há um ROI positivo sobre os investimentos em segurança” em geral, diz ele, a menos que “tenha violações de dados proeminentes que abalam conselho de administração e executivos de nível C” para ajudar a convencê-los de que melhorar a cibersegurança é essencial.

Outro “grande leque” de empregos disponíveis tem a ver com a experiência dos funcionários, diz Kraus, que está a mudar de empregadores com foco em “apenas na saúde e bem-estar” para fatores que incluem produtividade, escalabilidade e colaboração virtual.

Além disso, “qualquer coisa” relacionada à data analytics é um assunto quente no momento, acrescenta. A principal sugestão de Kraus para lidar com a escassez nestas funções é “prioridade rigorosa” – focar nas áreas que são mais importantes para o seu negócio no próximo ano.

As 13 vagas de emprego mais difíceis de preencher

De acordo com a sondagem 2021 State of the CIO, estes são os cargos com maiores pontos de dor quando se trata de encontrar candidatos qualificados:

  • Cibersegurança: 21%
  • IA / machine learning: 20%
  • Ciência de dados / data analytics: 19%
  • DevOps / DevSecOps / agile: 12%
  • Serviços / integração em cloud: 11%
  • Automação de processos robóticos (RPA): 9%
  • Internet das coisas / edge computing: 8%
  • Desenvolvimento de apps: 8%
  • Engenharia de software: 8%
  • Arquitetura empresarial: 7%
  • Arquitetura em nuvem: 7%
  • Software empresarial (ERP, CRM, etc.): 6%
  • Gestão multicloud: 6%
Autores
Tags

Artigos relacionados

O seu comentário...

*

Top