Inteligência Artificial ao serviço do recrutamento de talentos

A Minsait e a Catenon estão a desenvolver em conjunto a primeira uma solução na cloud que utiliza as tecnologias mais avançadas na área de Big Data e Inteligência Artificial para garantir a detenção e aquisição dos melhores talentos, a nível global.

A solução está em fase de desenvolvimento e estima-se que seja lançada em fase beta em 2020. A Minsait aplica todo o seu conhecimento em tecnologias avançadas e a sua especialização setorial em matéria de transformação digital e cultural para responder aos desafios de recrutamento e retenção de talento identificados pela Catenon. Cerca de 400 soluções foram analisadas minuciosamente pela equipa de trabalho de ambas as empresas para definir as funcionalidades chave de uma solução que não procura competir com as redes sociais profissionais ou com portais de emprego, mas antes fornecer um serviço na nuvem, cuja filosofia está mais próxima de um assistente virtual (antecipa necessidades, aprende com o utilizador e pesquisa de forma autónoma) do que de uma ferramenta de pesquisa de candidatos pronta a usar. 

“Atualmente, os responsáveis pela seleção e negócio têm muitas ferramentas de software à sua disposição, que apenas dão respostas parciais aos grandes desafios que enfrentamos no que diz respeito à captação e retenção de talentos”, afirma Sergio Martín Guerrero, diretor de desenvolvimento de soluções próprias da Minsait. “Estamos a implementar as tecnologias de inteligência de dados mais avançadas, para que o responsável de seleção apenas tenha de apresentar as características do candidato ideal para o sistema lhe devolver perfis válidos numa questão de segundos”. 

O conhecimento especializado da Catenon em Recursos Humanos e aquisição global de talento contribuiu decisivamente para o design de uma solução única que, em breve, se tornará num ativo estratégico para as equipas de seleção, dado que integrará todo o fluxo de captação de talentos, desde a identificação dos candidatos adequados de todas as fontes de dados da rede – passando pela ativação de candidatos passivos ao aplicar as estratégias mais inovadoras de marketing digital automatizado – até à gestão do processo de seleção suportado pelas arquiteturas de conhecimento geradas. 

“Contar com as capacidades tecnológicas da Indra vai permitir-nos dar um salto gigantesco no setor, gerando um valor único tanto para os candidatos como para as empresas. A solução que estamos a desenvolver, em conjunto, vai revolucionar a nossa indústria, mudando definitivamente os fluxos de trabalho e os modelos de captação e aquisição de talentos. Esta plataforma baseada na inteligência dos dados vai garantir o melhor ajuste, a nível global, das necessidades das empresas e da sua cultura com as capacidades e culturas dos candidatos contratados, marcando um antes e um depois na qualidade da seleção”, afirma Cristina Villanova, Diretora Geral Corporativa da Catenon.

A Inteligência Artificial desempenhará um papel determinante na interface do utilizador. O sistema aprenderá com os processos de seleção e vai melhorar os filtros de pesquisa de forma autónoma. Além disso, vai acompanhar os candidatos contactados nos processos de seleção para informar sobre os seus progressos em termos de carreira profissional, como uma mudança de emprego ou uma promoção. A solução que está a ser desenvolvida pela Minsait e pela Catenon inclusivamente vai identificar padrões comuns nos candidatos com melhor classificação para propor espontaneamente candidatos passivos que, apesar de não estarem em processos ativos de procura de emprego, têm as competências necessárias para posições com muita procura. Tal vai traduzir-se numa melhor experiência para os candidatos, que serão contactados por empresas relacionadas com os seus valores e competências e, ao mesmo tempo, levará a uma redução drástica do tempo investido na pesquisa de candidatos através dos múltiplos canais. Em fases posteriores de desenvolvimento, a ferramenta vai integrar funções que vão permitir reduzir a rotação e monitorizar o grau de satisfação dos funcionários.

O seu comentário...

*

Top