Fujitsu vai gerir aplicações críticas em Microsoft Azure

O instituto responsável pelas pensões dos funcionários públicos finlandeses e os seus clientes vão beneficiar de sistemas agilizados, maior flexibilidade nas aquisições e uma maior capacidade para inovar.

O Keva, principal instituto de pensões dos funcionários do sector público da Finlândia, seleccionou a Fujitsu para assegurar a disponibilidade das suas aplicações de pensões que são executadas em Microsoft Azure. Como parte do contrato, a Fujitsu também irá ajudar a impulsionar a inovação e acelerar a implementação de novos serviços digitais através do trabalho com os parceiros de desenvolvimento de software do Keva.

O fornecedor de pensões da Finlândia, gere pensões de um total de 1,2 milhões de funcionários de autarquias locais, da administração central, da Igreja Luterana Evangélica e do Kela (instituto de segurança social para os cidadãos da Finlândia). O Keva pretende aumentar a flexibilidade dos seus processos de aquisição, coordenando, por exemplo, trabalho especializado e de projectos sob o mesmo acordo e aumentando o número de potenciais fornecedores. O fornecedor de pensões optou para fazer face a estas necessidades pelos serviços da Fujitsu.

A Fujitsu vai assim aproveitar a sua parceria de Global Systems Integrator com a Microsoft para gerir as aplicações críticas para o negócio do Keva. O projecto abrange serviço ponta-a-ponta e suporte total de aplicações, incluindo testes, monitorização, resolução de problemas, gestão do ciclo de vida e manutenção, de modo a garantir elevada disponibilidade das aplicações e operações isentas de erros.

Acresce que, atrevés das mais recentes metodologias DevOps, a Fujitsu irá permitir que o Keva e os seus novos parceiros de desenvolvimento de software HiQ, Solita e Visma modernizem os procedimentos de desenvolvimento de software. Fruto disso, o desenvolvimento de aplicações em curso será acelerado, possibilitando que o Keva inove mais depressa e acelere a implementação de novas funcionalidades.

Kalle Kannisto, IT Manager do Keva, comenta: “Queremos acelerar a inovação e implementar novas capacidades mais rapidamente, de forma flexível. Seleccionámos a Fujitsu após um processo de concurso público porque a equipa foi capaz de demonstrar uma competência impressionante tanto no suporte a Microsoft Azure como em DevOps. Este novo acordo vai permitir-nos agilizar muitos processos diferentes e libertar todo o poder das aplicações que utilizamos.”

Mikko Lampinen, Responsável de Sector Público e Cuidados de Saúde da Fujitsu Finland, acrescenta: “Este acordo ilustra muito bem o poder da nossa abordagem de co-criação. Não só trabalhámos de perto com o Keva para dar suporte às aplicações do fornecedor de pensões, como trabalhámos a par dos programadores de aplicações do Keva para optimizar o modo como criam e implementam o seu software. Em virtude disso, o Keva irá beneficiar de sistemas agilizados e eficientes, e também ficará bem posicionado para inovar rapidamente para cumprir a sua estratégia de negócio, ao mesmo tempo que é capaz de responder de modo flexível e ágil às mudanças de necessidades do futuro.”

Autores

Artigos relacionados

O seu comentário...

*

Top