Google pode operar serviços financeiros na UE

A Google é a mais recente companhia tecnológica a entrar no mercado europeu de fintech, tendo obetido uma licença para o fazer a partir da Lituânia.

Segundo noticiou o Dinheiro Vivo no final da manhã de hoje, a Google Payment, do grupo Alphabet, já tem licença para operar serviços de pagamentos electrónicos na União Europeia. A entrada no mercado de crédito e pagamentos dá-se com o registo junto dos supervisores da Lituânia, com o banco central deste país a autorizar a tecnológica americana a processar pagamentos, a emitir dinheiro electrónico e a gerir carteiras digitais. Esta licença junto do Banco da Lituânio foi concedida na passada sexta-feira, dia 21 de dezembro.

A Lituânia e o seu Banco Central têm sido um forte aliado das grandes empresas americanas que querem operar no mercado financeiro europeu. Tendo emitido cerca de 39 licenças para pagamentos electrónicos a diferentes empresas de serviços financeiros digitais. Além do Google, também a Revolut obteve recentemente esta licença junto das autoridades Lituanas. Mas a Lituânia não é a única a criar condições favoráveis para a entrada neste mercado por parte das tecnológicas. A Irlanda abriu a porta ao Facebook e a Amazon Paymnets Europe chegou ao mercado financeiro europeu via Luxemburgo.

Este é seguramente um mercado que terá muitas “transformações” não nos próximos anos mas a cada mês no decorrer de 2019.

Tags

Artigos relacionados

O seu comentário...

*

Top