E como está a segurança na Internet das Coisas?

Este foi o ano em que a segurança surgiu como tema principal da IoT, considerando os enormes ciberataques já realizados e os vários alertas de especialistas.

Muitos observadores anteviram que a segurança das redes e dos dispositivos da Internet das Coisas (IoT) não é um assunto secundário.

Após se terem registado consequências de enorme proporção – como o ataque à Dyn e a constatação de falta de recursos humanos qualificados – é preciso redefinir estratégias neste âmbito.

Mas como se podem proteger estes activos com um potencial elevado de competitividade e preparar ofertas de produtos e de serviços baseados em IoT?

No recente dossier “IoT e segurança“, o Computerworld Portugal analisou os principais desafios e problemas desses projectos, concluindo com um panorama sobre as empresas mais poderosas no segmento de IoT, da Amazon Web Services à Qualcomm.

Autores
O seu comentário...

*

Top